Antes o Vice-Governador e Secretário de Estado, Dr. José Eliton, tinha como aliados declarados em Valparaíso apenas o casal Lêda Borges e Francisco Carvalho.

A secretária de Estado Lêda é colega de Governo do Vice-Governador, ambos ocupam Secretarias de confiança na Gestão de Marconi Perillo. Ele de Desenvolvimento Econônimo e ela, Desenvolvimento Social.

Com a filiação ao PSDB de José Eliton que ocorreu ontem em Goiânia, o mais novo psdbista ganhou outro forte aliado em Valparaíso. Trata-se do vereador tucano Pábio Mossoró. 

Fiel escudeiro de Lêda, o legislador foi o único que restou do PSDB na Câmara. Em 2012, o partido da ex-prefeita elegeu 3 vereadores dos 8 de sua base. Dois edis pediram suas desfiliações da sigla e aliaram-se a atual prefeita do PT. Eles pagaram um preço alto.

Pábio resistiu às tentações do poder e firmou-se na oposição, pegando um preço alto de firmeza. Sem cargos no governo do PT, Mossoró tem dito que a Deputada Lêda quiser ser candidata à Prefeita, ele estará junto. Com sua lealdade, o vereador do PSDB conquista a cúpula dos tucanos na Cidade e no Estado.

Quem tentou conquistar o Vice-Governador foi o vereador Afrânio Pimentel. Ele assinou ficha de filiação ao PP, partido que no município é presidido por Francisco Carvalho, mas voltou para o PR alegando que o Vice foi para o PSDB.

Com isso o espaço vago do PP está sendo ocupado pelo tucano Pábio Mossoró que já foi sondado para filiar-se ao Partido Progressista.

Numa disputa da Prefeitura com chapa encabeçada pela ex-Prefeita Lêda, Mossoró seria o candidato a Vice-Prefeito no PP.

Com a amizade que a Deputada Lêda Borges e seu esposo Francisco Carvalho conquistaram junto a José Éliton, o PP estará na chapa majoritária, “se quisesse o Partido Progressista poderia brigar pela cabeça de chapa”, diz um dos dirigentes do PP que acompanha toda a movimentação até o prazo final de filiação.

ae

Vice-Governador ao filiar-se no PSDB ganha mais um aliado em Valparaíso, o vereador tucano Pábio Mossoró.

Por Marcelo Carlos