Segundo o governo estadual o estado de Goiás está em uma posição confortável em relação à febre amarela, com o índice de vacinação acima de 95% na maioria dos municípios.

Contudo, o secretário de Estado da Saúde de Goiás, Leonardo Vilela, conclama as pessoas que ainda não receberam a dose da vacina a ir ao posto de saúde mais próximo para se imunizar contra a doença.

O Ministério da Saúde aponta Goiás como área com recomendação de vacinação contra a febre amarela. Os registros da SES-GO indicam que em 186 municípios goianos (76%) o índice de cobertura vacinal é superior a 95%. Em outros 56 municípios (22,7%), a cobertura da vacina contra a doença varia de 50% a 95%.

Em apenas quatro municípios do Estado – Goianésia, Ipiranga de Goiás, Montividiu e São Simão – os níveis de vacinação são inferiores a 50%.

Com o intuito de garantir a proteção a toda a população goiana, a SES-GO está recomendando às Secretarias Municipais de Saúde dos municípios com coberturas inferiores a 95% a intensificar a vacinação contra a febre amarela, inclusive com a identificação das pessoas não imunizadas.

A mesma determinação está sendo dada aos gestores municipais das localidades onde há grande fluxo de turistas de outros Estados e países e, também, de trabalhadores rurais provenientes de outras regiões brasileiras.

A vacina contra a febre amarela deve ser tomada uma única vez na vida. Ela garante a proteção à doença 10 dias após a aplicação da dose.

Da Redação