Técnico de enfermagem suspeito de abusar de paciente na UTI é preso em Goiás

A jovem estava internada no leito de UTI e faleceu dias depois

Mais um caso bárbaro chocou os goianos nesta semana. Na última quarta-feira (29), a Delegacia Especializada no Atendimento à Mulher (DEAM) prendeu cautelarmente, o técnico de enfermagem Ildson Custódio Bastos, de 41 anos, suspeito de abuso sexual a uma paciente internada em um leito de UTI em Goiânia.

A jovem de 21 anos informou a uma servidora do hospital que havia sofrido os abusos. A vítima, internada após crise convulsiva, morreu no último domingo (26).

Segundo a DEAM, o investigado se apresentou espontaneamente na delegacia, mas tinha mandado de prisão em aberto após representação da Polícia Civil e por isso acabou preso.

De acordo com a delegada titular da DEAM, Paula Meotti, o homem teria passado a mão nas partes íntimas da vítima.

Ainda de acordo com as investigações, a ação foi gravada por câmeras de monitoramento do hospital e mostram que a vítima tentou resistir, mas não conseguiu, pois estava com as mãos amarradas. O técnico de enfermagem poderá responder por estupro de vulnerável.

O abuso aconteceu na madrugada do dia 17 de maio e durou cerca de uma hora.

Da Redação do Alô Valparaíso/*Com as informações da PCGO

Ildson Custódio Bastos, de 41 anos, suspeito de abuso sexual a uma paciente internada em um leito de UTI em Goiânia. (Foto: Divulgação/PCGO)

Compartilhe esta matéria!