Compartilhe esta matéria!

Sobre arte tem Sobradinho Artístico

Um grupo de 7 mulheres moradoras do Distrito Federal, montaram um projeto em Sobradinho com o objetivo de mostrar a cultura e arte, que ali reside com diversos artistas locais

Dia 20 de novembro foi comemorado o Dia da Consciência Negra, e o dia do Sobradinho Artístico, movimento idealizado por 7 mulheres Fernanda Maria (18), Nicole Cristina (19), Priscila do Carmo (43), Luanna Rodrigues (18), Eduarda Siqueira (19), Clara Gomes (18) e Leticia Tobias (21). Que querem mostrar a cultura e talentos que ali moram.

O evento começou às 10h da manhã com um grande cronograma que foi até as 20h, buscou atuar de forma colaborativa para todos os artistas da cidade, visando assim proporcionar um evento cultural, com oficinas, além de oportunidades de empreendedorismo, “Estamos juntas com o Andanças DF que é nosso maior parceiro e é co-organizador da feira expositiva. O Andanças é um coletivo que atua em Sobradinho, na Fercal e em outras regiões do DF, tem vários projetos socioculturais, e é apoiador de artistas independentes”. Afirma Fernanda que além de organizadora também é dançarina.

O projeto tem o objetivo de gerar conexões, colocar a arte na rua, expor ideias, apoiar artistas locais, dar o espaço que os artistas precisam para mostrarem sua arte, gerar amizades, encontros e conversas. Foto: @abiliorr – @primoprods

A Feira Expositiva foi idealizada para que a comunidade pudesse fazer a junção de todos os artistas que quiseram participar, além de mostrar e tornar essa arte acessível para a população, pensando também na importância de mostrar todos os caminhos que a arte pode proporcionar. “Nossa primeira edição contou com a participação de 20 artistas, de todas as áreas. Aconteceu no Buritizinho, em Sobradinho 2. Foi um evento de dois dias, e os dois foram lindos, a comunidade abraçou e colaborou muito para que tudo saísse como o esperado”. Conta Fernanda

Na segunda edição, o evento recebeu cerca de 30 artistas, também de todas as áreas, sendo alguns das cidades do entorno, como Cidade Ocidental, São Sebastião, Paranoá, Ceilândia, Valparaíso, Gama, Taguatinga e Santa Maria. Os interessados preencheram um formulário e se apresentaram conforme a organização programou, aconteceu no Ginásio de Esportes de Sobradinho 2. E contou com vários expositores, artistas da área da música, dança, fotografia e grafite.

Zapatta Pnr (23), artista que é campeão de diversas batalhas de rima, além de ganhar o Slam DF, usa a poesia e o rap para mostrar suas letras carregadas de reflexões e provocações ao sistema, participou do evento e entende a importância que é a união da comunidade para o crescimento “Estou certo de que o Sobradinho Artístico simboliza não só a ascensão da cena artística de Sobradinho, como o fortalecimento da cena no DF. O fato do coletivo ter oferecido espaço a vários artistas do distrito mostra a força deste evento e como ele tem sido importante e grandioso.” exclama o artista

O Sobradinho Artístico também contou com Trilha (24), artista independente que está se conhecendo, mas tem certeza de que quer usar seu talento para mostrar sua ancestralidade e raízes em seu som, “O evento organizado pelo Sobradinho artístico e o coletivo andanças foi muito importante para gerar conexões, fortalecer os artistas da cena local, proporcionar networking, evidenciar o trampo da população preta e abrir caminhos para construção da carreira artística de muitos artistas que assim como eu estão começando. Essa força, essa potência e esse brilho que se manifestou ali por meio da cultura hip hop só foi possível graças à união de forças de minas que se movimentam em prol da arte e da cultura.”

O projeto tem o objetivo de gerar conexões, colocar a arte na rua, expor ideias, apoiar artistas locais, dar o espaço que os artistas precisam para mostrarem sua arte, gerar amizades, encontros e conversas, que só foi possível graças a apoiadores como a De Preto, a Primoprods, A Petrus som e a administração de Sobradinho II. Além da colaboração da comunidade e artistas, o evento que passou por sua segunda edição pretende continuar e levar a arte onde puder.

Redes:

  • @sobradinhoartistico
  • @andancasdf_oficial
  • @_trilha
  • @zapattaprn

Alô Valparaíso/Com as informações