O vice-governador e secretário de Segurança Pública e Administração Penitenciária, José Eliton, coordena reunião de trabalho, às 10 horas desta sexta-feira, dia 10, no Palácio Pedro Ludovico Teixeira, em Goiânia, com secretários de Segurança Pública dos estados que integram o Consórcio Interestadual de Desenvolvimento do Brasil Central – Tocantins, Mato Grosso, Mato Grosso do Sul, Distrito Federal, Rondônia e Maranhão. Eles vão dar início à efetivação do acordo interfederativo por segurança e combate ao crime organizado.

O protocolo de intenções foi assinado pelos governadores destes Estados durante o 3º Fórum de Governadores do Brasil Central que foi realizado em Palmas (TO) na última sexta-feira, dia 3. Também estarão na reunião de trabalho os superintendentes executivos (ou subsecretários), comandantes gerais da Polícia Militar, delegados gerais de Polícia Civil e responsáveis pelos serviços de Inteligência destes estados.

Após oficializarem o acordo interfederativo em Palmas, os secretários de Segurança Pública agora vão da teoria à prática. Iniciarão as tratativas para instalação do Comitê de Inteligência Integrada, que objetiva o compartilhamento de dados, informações, investigações, softwares e práticas exitosas relativas aos crimes comuns que afetam aos estados pactuantes do protocolo de intenções assinado em Palmas.

Articulações
Este protocolo, formalmente chamado de acordo interfederativo, teve José Eliton na linha de frente das articulações. O documento oficializa a união de esforços entre governos no enfrentamento a crimes recorrentes nesses estados, como tráfico de drogas e armas, e roubos a bancos.

O encontro no Palácio Pedro Ludovico Teixeira prevê ainda debates e adequações das propostas, como reestruturação do modelo de segurança pública, controle de fronteiras, divisas e rodoviários, descontingenciamento de recursos de segurança pública e do Fundo Penitenciário Nacional, entre outros temas.

Postado por Marcelo Carlos (com as informações de Goiás Agora)