Nesta sexta-feira, dia 02 de dezembro, um policial reformado da PMGO, que também era pastor de uma igreja evangélica, em Valparaíso de Goiás, foi baleado ‘acidentalmente’ por um Sargento da Polícia Militar do Distrito Federal. Ambos estavam sem farda. 

Segundo informações iniciais, o PM do DF teria impedido um assalto a uma joalheria, no Setor Leste, do Gama (DF), próximo à Igreja São Sebastião.

Após presenciar uma troca de tiros com os criminosos, o militar goiano teria se aproximado do Sargento do DF, sem se identificar e foi alvejado no tórax. Infelizmente, ele não resistiu aos ferimentos e morreu no local. Um ladrão conseguiu fugir levando algumas joias e outro baleado foi levado para o Hospital Regional do Gama (HRG)..

O PM goiano se chamava Paulo Lourenço, mais conhecido como Pastor Paulinho, um homem de bem, honesto e trabalhador da cidade do Entorno Sul. Ele era policial militar aposentado e ministrava cultos na Igreja Assembleia de Deus, localizada na Rua 17, do bairro Jardim Oriente.

Da Redação