O deputado federal do Rio de Janeiro, Rodrigo Maia, do Democratas, foi reeleito presidente da Câmara na quinta-feira (02) e vai governar a Casa agora em 2017 e 2018. Ele teve 293 votos e venceu a disputa ainda no primeiro turno.

Rodrigo Maia atribuiu a vitória ao trabalho em favor das pautas do governo federal.

Entre as promessas, o presidente Rodrigo Maia diz que vai fazer a reforma da Previdência Social, a Trabalhista e a Política. Sobre as mudanças na previdência, Maia espera aprovar as alterações o mais rápido possível.

O deputado do PSDB, Domingos Sávio, avalia que a base governista está unida, mas que a Câmara deve manter independência do Executivo.

O deputado do PSOL, Chico Alencar, opina que as oposições devem procurar apoio na sociedade.

Também foram eleitos os outros 10 integrantes da Mesa Diretora da Câmara. O Deputado Fábio Ramalho, do PMDB, ficou com a primeira vice-presidência, vencendo o deputado favorito, Lúcio Vieira Lima, irmão do ex-secretário de governo, Geddel Vieira Lima.

A segunda vice-presidência ficou com o deputado André Fufuca, do PP. Ficaram com as  secretarias da Casa, os deputados Giacobo, do PR, Mariana Ramalho, do PSDB, JHC, do PSB e Rômulo Gouveia, do PSD.

Via Agência Brasil