Nesta sexta-feira (28), em Sessão Ordinária realizada na Câmara Municipal, o vereador Pábio Mossoró (PSDB), apresentou o Requerimento de nº 209/2015, solicitando informações sobre o Processo Eleitoral do Conselho Tutelar a prefeita Lucimar Nascimento (PT).

A ação foi necessária graças a inúmeras denúncias de pré-candidatos ao Processo Eleitoral do Conselho Tutelar que reclamam de irregularidades no certame. No entanto, a aprovação do Requerimento foi negada pela grande maioria dos vereadores.

DSCN1286

Foto: Marcelo Carlos – Pábio Mossoró cobra transparência no Processo Eleitoral do Conselho Tutelar.

Vale a pena informar que votaram a favor da transparência: Pábio Mossoró (PSDB), Professor Silvano (PT) e Dr. Marcus Vinicius (PTdoB). Lembro também os nobres legisladores municipais que foram contra a aprovação do requerimento 209/2015: Ângela Pessoa (PSC), Carlinhos Dentista (PTdoB), Joaquim Lacerda (PROS), Pastor Idelfonso (PSC), Professora Elenir (PROS), Zeca (SDD). Estiveram ausentes na votação: Afrânio Pimentel (PR), Elvis Santos (SD), Geraldo Alves (PDT) e Tião da Padaria (PTN).

Infelizmente, mais uma vez poucos vereadores cumpriram suas funções e foram contra a fiscalização do obscuro Processo Eleitoral do Conselho Tutelar. Diga-se de passagem, que a base governista na Câmara em sua grande maioria, desde o começo do atual governo, vem fazendo vista grossa diante de inúmeros escândalos ocorridos na atual gestão e também não buscam apurar denúncias realizadas pela sociedade valparaisense.

Por fim, destaco que os representantes do povo possuem poder e o dever de fiscalizar. Porém, a Assembleia Legislativa de Valparaíso segue com grandes dificuldades em representar os interesses da nossa gente. Hoje, os apoiadores de Lucimar Nascimento (PT), defendem apenas seus próprios interesses políticos. E assim, nada é feito com o objetivo de esclarecer os procedimentos duvidosos que estão sendo realizados no Processo Eleitoral do Conselho Tutelar.

Por Marcelo Carlos