Compartilhe esta matéria!

Proprietário de distribuidora de bebidas revela momentos de pânico durante assalto em Valparaíso

Funcionários foram amarrados e agredidos pelos bandidos

A polícia procura três criminosos que assaltaram uma distribuidora de bebidas, em Valparaíso de Goiás, no Entorno do Distrito Federal. Os ladrões fugiram em uma camionete da vítima, levando bebidas, cinco celulares, mil reais em dinheiro e um tênis de um rapaz que passava na hora do assalto.

O veículo roubado contava com rastreador e facilitou o trabalho da Polícia Militar de Goiás. Até o momento, um menor foi localizado dirigindo a camionete em Santo Antônio do Descoberto.

Segundo o Ten. Cel. do 20º Batalhão, Samuel Arthur, no veículo foi encontrada uma arma de fogo e o autor apreendido encaminhado para a Central de Flagrantes de Águas Lindas de Goiás. “Para autuação definitiva”, informou.

O proprietário do estabelecimento relatou sua que esposa e uma funcionária também foram amarradas. “Aí começou a atirar e procurar um cofre. Eu acredito que era do ex-proprietário. E falando o tempo todo que tinha muito dinheiro. Eu falava. Eu não sei. Não conheço e não sei de cofre. Aí começou a tortura. A chutar, bater e colocar a arma na cara da gente e na cabeça”, disse Gustavo Bonfim.

Da Redação do Alô Valparaíso/*Com as informações da TV Anhanguera