Pacientes que procuraram o Centro de Atendimento Integrado à Saúde – CAIS II, em Valparaíso de Goiás, nesta terça-feira (15), foram surpreendidos com a falta de atendimento na unidade.

Devido ao atrasado no pagamento de 8 contas, a energia elétrica do órgão público foi cortada pela CELG. De acordo com um funcionário que pediu para não ser identificado, o fato preocupante aconteceu na manhã de hoje.

Segundo informações apuradas pela redação do Alô Valparaíso, os pacientes que buscam atendimento no centro de saúde estão sendo encaminhados para a Unidade de Pronto Atendimento (UPA) do Parque Marajó e Hospital Municipal do Jardim Céu Azul.

A assessoria da CELG informa que caso as três primeiras contas sejam pagas pela Prefeitura Municipal de Valparaíso, o fornecimento de energia elétrica será restabelecido no Centro de Atendimento Integrado, localizado no bairro Valparaíso II.

Uma pessoa ligada ao governo, afirmou ao nosso site que outros órgãos municipais estão prestes a ter o abastecimento de água interrompido e também o fornecimento de energia elétrica cortado.

Por Marcelo Carlos

 

 

 

Por Marcelo Carlos