Na última sexta-feira (4), o Partido da República (PR), realizou um grande evento para a filiação de novos integrantes da sigla em Goiás. A estrela da festa foi o deputado federal delegado Waldir Soares, que deixou o PSDB com o objetivo de ser candidato nas eleições municipais de Goiânia.

Na ocasião, Waldir Soares negou ter deixado o Partido da Social Democracia Brasileira com ressentimentos e afirmou: “busquei apenas respeito. Me senti discriminado no PSDB e aqui no PR fui muito bem recebido.”

Durante entrevista concedida aos jornalistas presentes, o deputado federal não quis entrar em detalhes e não procurou falar sobre outros cargos dentro do seu novo partido que talvez possa assumir, como o diretório metropolitano. 

Waldir focou apenas em seu discurso de pré-candidato à Prefeitura da capital goiana. “Eu venho para ajudar o PR a crescer. Meu papel é pedir votos e ajudar a transformar este partido que já é grande.”

Segundo a deputada federal Magda Mofatto, o encontro dos republicanos foi importantíssimo para o lançamento da pré-candidatura de Waldir Soares à Prefeitura de Goiânia. Magda também classificou o momento como fundamental para o fortalecimento do PR em Goiás.

“A filiação de nomes de peso no cenário goiano e a presença de entidades importantes do PR nacional mostram a força do partido no Estado e a importância política de Goiás no cenário nacional”, destacou Magda Moffato.

Participaram também da reunião partidária, promovida no auditório Costa Lima da Assembleia Legislativa de Goiás (Alego), figuras importantes do PR nacional, como o presidente do partido, o deputado federal Alfredo Nascimento (AM), o líder no senado, senador Wellington Fagundes (MT), o líder na Câmara, deputado federal Maurício Quintella Lessa (AL).

Alfredo Nascimento, presidente nacional do Partido da República, foi cauteloso ao comentar a 24ª fase da Operação Lava Jato, deflagrada na manhã da última sexta-feira, que teve como alvo principal o ex-presidente Lula.

“A relação do congresso com o poder executivo hoje é muito complicada. Este é um momento de dificuldade para todo país, em que as ações da justiça mostram o envolvimento de vários políticos em escândalos de corrupção. Neste momento, temos que ter paciência e responsabilidade de manter a coerência nas decisões”, afirmou o presidente nacional do PR.

Apesar de se juntar a um partido da base do governo, o deputado federal disse que vai continuar sendo oposição na Câmara. “Tive um diálogo tranquilo com a liderança nacional do PR e me deixaram a vontade para continuar seguindo minha postura. Em assuntos de interesse do cidadão, é claro que votarei junto com o PR, mas no caso do impeachment da presidente Dilma, por exemplo, não vou votar a favor do governo”, afirmou Waldir. 

 O PR em Valparaíso de Goiás

Durante o evento, a deputada federal Magda Mofatto recebeu muitos aplausos e foi aclamada por todos os presentes. Na oportunidade, a líder republicana teve o seu nome lançado pelo presidente nacional do PR para a disputa de uma das cadeiras no Senado Federal em 2018.

Magda Mofatto discursou com firmeza e garantiu aos diretórios municipais e aos pré-candidatos a prefeito, vice-prefeito e vereador que as decisões sobre candidaturas e coligações seriam inteiramente respeitadas em todo Estado.

“Não seremos linha auxiliar de ninguém. Somos um partido grande, estruturado e pronto para crescer ainda mais no Brasil e em Goiás, Sou uma mulher de palavra e digo a vocês que o PR de Goiás irá respeitar todas as coligações que os nossos municípios fizerem”, afirmou a deputada federal.  

A deputada federal Magna Moffato fez questão de citar grandes municípios goianos onde o seu partido têm pré-candidaturas ao majoritário. Na lista da líder do PR estavam Goiânia, Trindade, Senador Canedo, Águas Lindas de Goiás e Valparaíso de Goiás. Na última cidade, o Partido da República aposta todas as fichas no nome do experiente Afrânio Pimentel, vereador em seu terceiro mandato. 

“Temos excelentes nomes nessas e em outras cidades para ocuparem as prefeituras. Não vamos ceder a pressões venham de onde vier, e eles contarão com nosso inteiro apoio e o respaldo da direção nacional. Vamos apresentar aos eleitores as melhores propostas e eu serei a mais entusiasmada das colaboradoras, indo de porta em porta conversar com as pessoas”, finalizou a deputada. 

Por Marcelo Carlos (com as informações do Blog do Suenilson e Jornal Opção)