Nesta semana, o Governo de Goiás anunciou a convocação de 2,5 policiais militares e já prepara um novo concurso para a Polícia Militar do Estado. A meta é abrir cerca de 2 mil vagas.

Segundo informações iniciais, está em fase de conclusão uma licitação para contratação da empresa que será responsável pelo certame. Depois da assinatura do contrato, o edital será publicado.

De acordo com o secretário de Segurança Pública e Administração Penitenciária, Ricardo Balestreri, a previsão é que o edital do novo concurso da Polícia Militar de Goiás, seja divulgado ainda este mês.

“Iniciamos a recomposição do efetivo. Nossa polícia trabalha muito. Estamos preparando um novo concurso público. Nós queremos lançar edital ainda no mês de setembro para termos mais policiais. É a principal demanda no interior do estado. Nossa solicitação junto a Segplan é que a gente sem burlar a lei, que sejamos o mais célere possível”, explicou Balestreri.

O governador de Goiás, Marconi Perillo (PSDB), destacou que a realização de um novo concurso público já está prevista no orçamento do Estado. Em entrevista coletiva, o governador disse que os servidores iniciarão as carreiras ganhando um bom salário. Vale ressaltar que para o atual concurso o salário inicial é de R$ 1,5 mil para soldado de 3ª classe, mas o governo argumenta que com as horas extras e outros benefícios o salário acaba ficando bem maior.

“São 2,5 mil policiais há mais. Vamos chamar um concurso para mais 2 mil policiais, isso está previsto orçamentariamente, a remuneração inicial é condizente ao nosso orçamento e vão começar recebendo bem, e com a certeza de que vão ter uma excelente carreira e os que farão horas extras receberão mais do que o soldo normal”, destacou Marconi Perillo.

O anúncio do novo concurso da PMGO havia sido feito pelo governador no dia 10 de maio deste ano. Das 2 mil vagas a serem ofertadas, 1.920 são para o cargo de Soldado de 3ª Classe e 80 para Cadete PMGO.

Requisitos

Para concorrer ao cargo de soldado de 3ª classe, o candidato precisa ter nível superior em qualquer área, além de idade entre 18 e 30 anos e estatura mínima de 1,65m no caso dos homens e 1,60m para as mulheres. A remuneração prevista é de R$ 1,5 mil. Já para a função de cadete, é necessário bacharelado em direto, idade mínima de 18 (dezoito) anos e máxima de 29 (vinte e nove). A remuneração inicial dos futuros cadetes é de R$ 5.401,43.

Último concurso

No concurso em que os aprovados foram convocados e já tomaram posse nesta terça-feira (5), 26.961 pessoas se inscreveram para o posto de Soldado de 3ª classe, para um total de 2.178 vagas, uma média, 12 por vaga. Vale ressaltar que o último certame foi regionalizado.

Via Diário de Goiás