Compartilhe esta matéria!

Polícia encontra em córrego de Novo Gama cabeça de jovem decapitado há três meses no DF

Segundo delegado, Mateus dos Santos Sousa foi morto com 125 facadas. Suspeitos são pai e dois filhos, que foram presos no Piauí, e indicaram a localização dos restos mortais da vítima.

Mateus dos Santos Sousa foi morto por vingança, segundo a polícia — Foto: Reprodução/Polícia Civil

A Polícia Civil encontrou a cabeça de Mateus dos Santos Sousa, de 19 anos, na quinta-feira (12), em um córrego do Novo Gama, cidade goiana no Entorno do Distrito Federal (DF). Segundo a investigação, o jovem foi morto com 125 facadas e decapitado ainda vivo em Brazlândia, no DF, há três meses.

O delegado Roney Marcelo informou que o crime aconteceu em 13 de maio deste ano. O jovem tinha envolvimento com tráfico de drogas e foi assassinado por vingança. Os suspeitos são um pai, de 41 anos, e seus dois filhos, de 22 e 19. Eles foram presos em 25 de julho, em São Raimundo Nonato (PI).

Após serem transferidos para um presídio do Distrito Federal, os suspeitos indicaram a localização da cabeça, que era a última parte do corpo que faltava ser encontrada.

Acusados de matar e decaptar jovem no DF são presos em São Raimundo Nonato, no Piauí — Foto: Divulgação/PC
Acusados de matar e decaptar jovem no DF são presos em São Raimundo Nonato, no Piauí — Foto: Divulgação/PC

“Foi uma vingança, em tese. A vítima teria tentado matar o pai por uma dívida de droga, mas não conseguiu. O pai ficou mal à época, internado no hospital. Isso foi há dois anos. Agora ele decidiu se vingar e teve ajuda dos dois filhos”, explicou o delegado.

Investigação

A apuração da Polícia Civil foi divida em partes, segundo o delegado Mozeli da Silva, que também participou da investigação. Primeiro, a corporação identificou os autores e as circunstâncias do crime.

No segundo momento, a polícia partiu para a localização dos suspeitos, que estavam foragidos em uma cidade do Piauí.

“Os autores não fizeram questão de esconder suas identidades. O crime começou em um bar de Goiás e terminou no córrego da ponte Maranata, no DF, onde o corpo foi jogado. Agora, encontramos a cabeça num córrego de Novo Gama”, explicou o delegado.

Veja outras notícias da região em G1 Goiás.

Bombeiros encontraram a cabeça de Mateus dos Santos Souza em córrego de Novo Gama, Goiás — Foto: Reprodução/Bombeiros
Bombeiros encontraram a cabeça de Mateus dos Santos Souza em córrego de Novo Gama, Goiás — Foto: Reprodução/Bombeiros

Alô Valparaíso/* Com informações G1