Nesta sexta-feira, dia 16 de dezembro, policiais civis lotados na Delegacia da Mulher (DEAM), de Valparaíso de Goiás, no Entorno do Distrito Federal, cumpriram mandado de prisão temporária em desfavor de Adriano Arcanjo Fernando, de 39 anos. Ele era investigado pela Polícia Civil em razão do “feminicídio” praticado contra sua ex-companheira Heleneuza Alves da Silva.

O crime ocorreu esta semana, mais precisamente na segunda-feira (12/11/16), num posto de gasolina localizado no bairro Valparaízo II.

O fato gerou grande comoção social pela agressividade e covardia com que o autor esfaqueou a vítima, dentro do posto de combustíveis, na presença de várias pessoas.

Diante dos fatos, a PC-GO em parceria com Ministério Público e Poder Judiciário, prontamente, deram resposta rápida e merecida para a sociedade local. Participaram da diligência os agentes de polícia civil João Arcanjo, Élio e Roger, coordenados pela delegada Isis Leal.

Via PC-GO