Na manhã desta quarta-feira (23), policiais civis lotados na DEAM de Valparaíso (GO), no Entorno do Distrito Federal,  cumpriram mandados de prisão temporária em desfavor de N.A.S.S. (29 anos) e de A.G.S (31 anos). Ambos foram presos pela PC-GO por “estupro de vulnerável” praticado contra a própria filha (de apenas 03 anos). 

De acordo com o delegado Rodrigo Mendes, no dia 18/11/16, um familiar procurou a Delegacia da Mulher – DEAM para noticiar os abusos sexuais praticados contra a criança, alegando que esta apresentava comportamento inadequado para sua idade, ocasião em que entregou fotos de lesões na vagina e ânus da vítima.

Segundo o familiar, o pai e a mãe da criança agiam de forma estranha com ela, sugerindo que ambos praticavam os abusos sexuais, ao mesmo tempo. A delegada Ísis Leal representou pela prisão temporária dos investigados, sendo esta deferida judicialmente em 24 horas.

Participaram da diligência os agentes de polícia civil Eliane Sá, Hélio Marreiros, João Arcanjo e Sandra Teixeira, bem como as escrivãs Fabíola Ambrozio e Iudaci Morais, coordenados pela delegada Ísis Leal.

Da Redação (com as informações da PC-GO)