Aconteceu na manhã desta terça-feira, dia 27, em uma indústria de Rio Verde, a incineração de 6.810,432 kg de drogas. A ação da Polícia Civil, capitaneada pela Denarc – Delegacia Estadual de Repressão a Narcóticos, com suporte do GT3 – Grupo Tático 3, responsável pela escolta e segurança, apoio da Escola Superior da Polícia Civil, e participação da Polícia Científica, configura a primeira destruição de drogas do ano.

Responsável pela gestão de toda droga apreendida pelas forças policiais goianas, a Denarc, tendo em vista o recorde de drogas incineradas em 2017, mais de trinta toneladas, que extinguiu todo acervo acumulado, iniciou 2018 destruindo as drogas tão logo as autorizações judiciais são expedidas, dinâmica que se concretizará durante todo ano, haja vista o calendário bimestral de queimas estabelecido.

Via Goiás Agora