Compartilhe esta matéria!

Paciente foge de hospital no DF e usa agulha para ameaçar transmitir covid-19

Homem de 37 anos estava internado no Hran e foi preso pela Polícia Militar

A Polícia Militar do Distrito Federal prendeu na segunda-feira (13/07), um homem de 37 anos de idade, que estava internado para tratamento do novo coronavírus (covid-19) e que fugiu do Hospital Regional da Asa Norte (Hran). Ele é suspeito de roubar uma loja de calçados.

No momento em que foi detido, o paciente estava com os acessos intravenosos no braço. Segundo informações da PM, ele usou uma agulha para ameaçar transmitir o coronavírus para funcionários da loja assaltada, na Rodoviária do Plano Piloto, e roubar uma sandália.

Depois do crime, o homem correu em direção à estação Central do metrô, onde foi preso. De acordo com o soldado Henrique do Nascimento Porto, que atuou na ocorrência, o suspeito estava “bastante alterado” e reagiu à abordagem policial. “Ele gritava que mataria todo mundo e depois se jogaria nos trilhos do metrô”, disse. Na viatura policial, mesmo detido, o suspeito dizia ainda que “infectaria todos os policiais”.

O suspeito foi levado para a 2ª Delegacia de Polícia (Asa Norte) e, segundo a polícia, vai responder por roubo, resistência e desacato.

Da Redação do Alô Valparaíso/*Com as informações do G1