Na última quarta-feira (16), em Sessão Ordinária realizada na Câmara Municipal de Valparaíso, o vereador Pábio Mossoró (PSDB), apresentou o Requerimento Nº 256/2016, solicitando a presença no legislativo de Lucilene Jares da Silva, presidente do IPASVAL, para prestar esclarecimentos sobre a folha de pagamento de servidores do instituto.

A reivindicação do parlamentar se fez necessária, após denúncia realizada na semana passada, no programa Momento do Povo, da rádio Supra FM, que apontou suposta fraude com recursos públicos do Instituto de Previdência e Assistência dos Servidores Públicos de Valparaíso de Goiás.

Segundo informações disponíveis no Portal de Transparência, funcionários do IPASVAL estariam recebendo supersalários de 14 e 19 mil reais. O último valor é superior aos vencimentos recebidos pela prefeita Lucimar Nascimento, do PT. Hoje, a chefe de governo recebe mensalmente um pouco mais de 14 mil reais.

A aprovação da presente solicitação aconteceu graças aos votos favoráveis dos seguintes vereadores:  Pábio Mossoró (PSDB), Dr. Marcus Vinícius (PSD), Elvis Santos (SD), Pastor Idelfonso (PSC) e Emanuel Ayres (PROS).

Votaram contra a convocação da presidente do IPASVAL: Professor Silvano (PT), Tião da Padaria (PT), Zeca (SD) e Joaquim Lacerda (PROS). Os demais vereadores da Casa de Leis estiveram ausentes durante a votação.

Por Marcelo Carlos

Mossoró