(Foto: Reprodução)

Compartilhe esta matéria!

Moradores denunciam descarte de lixo irregular em Valparaíso de Goiás

Áreas públicas são usadas por diversas pessoas como depósito de entulhos em toda a cidade goiana

O descarte irregular de lixo e entulho continua sendo um problema grave em Valparaíso de Goiás, no Entorno do Distrito Federal. Muitas áreas públicas da cidade goiana, diariamente, são alvos de pessoas que descartam irregularmente pneus, sofás, garrafas pet, lixos domésticos e entulhos de construção.

A ação de jogar lixo em local impróprio gera um prejuízo incalculável aos cofres do município, que poderia utilizar os recursos em investimentos, bens ou serviços em prol da população. Principalmente, nos setores de Cultura, Educação, Esporte e Saúde.

Em contato com a Redação do Alô Valparaíso, uma moradora do Jardim Céu que preferiu não ser identificada na matéria, afirmou que os valparaisenses precisam ter consciência de suas atitudes. “O descarte irregular de lixo causa riscos para a saúde e até mesmo para a segurança da gente. Muitos vizinhos aqui do bairro tiveram dengue por não cuidar da porta de casa. Precisamos ajudar a manter a cidade limpa”, salientou a mulher.

Fotografias enviadas nesta sexta-feira (26) ao Portal, mostram o canteiro de uma Avenida movimentada no Céu Azul, tomado por lixo, galhos de árvore e um sofá velho. “Isso é na Avenida do Céu Azul, em frente a Secretaria Municipal de Assistência Social e Cidadania. Amanheceu com lixo e um sofá”, segundo mensagem enviada por um leitor para o nosso WhatsApp.

Apenas em 2020, a prefeitura de Valparaíso de Goiás já retirou das avenidas, ruas e demais locais com seus mutirões de limpeza, mais de 200 mil toneladas de lixo.

Da Redação do Alô Valparaíso