Nesta quinta-feira (22), recebemos mais uma denúncia que mostra “mangueiras de soro de hemodiálise” que foram descartadas de forma inadequada. O fato aconteceu no terreno baldio do antigo Clube Tropical.

Uma coisa que chama a atenção, é que o material tem data de vencimento prevista para o mês de outubro do próximo ano. Portanto, as mangueiras ainda estão dentro do prazo de validade e poderiam estar sendo usadas por pacientes.

O local que já foi considerado o principal ponto de lazer do município, segue abandonado e virou um depósito de lixo a céu aberto na região. Agora, não se sabe quando e quem jogou o material hospitalar no local onde funcionava um clube que marcou época em Valparaíso de Goiás.

Devemos lembrar, que o acúmulo de lixo em vários pontos da cidade, é reflexo de muita gente pouco preocupada com a limpeza de áreas como esta. Haja vista que, a Prefeitura tem feito a sua parte recolhendo entulhos e limpando terrenos em Valparaíso. A fiscalização deve ser mais atuante, contudo, muitas pessoas precisam também aprender a agir da maneira correta.

Até o fechamento desta matéria não obtivemos a informação se o material hospitalar é de origem pública ou privada.

Por Marcelo Carlos