Homem fica preso por mais de 15 horas dentro de cisterna em Luziânia

Vizinho encontrou a vítima e acionou o Corpo de Bombeiros

Um acidente quase tirou a vida de um homem de 30 anos no último fim de semana, em Luziânia, no Entorno do Distrito Federal. Ele caiu em um buraco de cerca de 10 metros de profundidade e ficou preso nele por mais de 15 horas, entre a noite de sexta-feira (07/06) e a tarde deste sábado (08/06).

Segundo o sargento do Corpo de Bombeiros, Fábio Pimentel Barbosa, foi um morador próximo ao lote baldio, onde ocorreu o acidente, que ouviu uma voz distante pedindo ajuda. “Recebemos um chamado de vizinho que escutou um barulho bem baixinho. Ele não sabia de onde vinha e aí resolveu entrar nesse lote e começou a ouvir a voz mais alta e encontrou o homem caído dentro do buraco no meio do mato”, contou.

A vítima foi encontrada pelo servidor público Alison Servoli da Silva quem ouviu o barulho no lote e resolveu procurar. “Após o almoço eu estava tratando do cachorro e ouvi tipo uns gritos longe se repetindo a cada dez minutos. Como eu sabia da existência dessa cisterna, porque já tentei achar o dono do lote para fechar, resolvi entrar lá e acabei encontrando ele e chamei o socorro”, relatou.

Ainda de acordo com o bombeiro, logo que os militares chegaram no local notaram que a vítima estava dentro de uma cisterna desativada. “Foi montado sistema multiplicador de forças e utilizados cabos e roldanas para o resgate da vítima. Em 30 minutos, no máximo, conseguimos retirar o rapaz do local”, comentou.

Depois de resgatado e de receber os primeiros socorros, o homem foi encaminhado ao Unidade Pronto Atendimento (UPA) da cidade.

Da Redação do Alô Valparaíso/*Com as informações do G1
cisterna

Corpo de Bombeiros resgata homem que caiu em cisterna. (Foto: Divulgação/Corpo de Bombeiros)

Compartilhe esta matéria!