Em Goiás, mulher que matou o filho enforcado arrancou o próprio olho com a mão

Mãe assassinou garoto de 6 anos porque ele não quis limpar a casa de madrugada

Uma mulher foi presa na quinta-feira, dia 14 de novembro, após confessar ter agredido e enforcado o filho de 6 anos dentro de sua residência, em Santa Helena de Goiás. Conforme informações divulgadas pela polícia, a autora teria acordado o menino de madrugada para limpar a casa, mas ele não quis.

No presídio, a suspeita que também é mãe de um recém-nascido arrancou o próprio olho com a mão e teve que ser levada para a Unidade de Pronto Atendimento (UPA) de Rio Verde. A mulher está internada, separada dos demais pacientes e acompanhada por vigilantes. Antes disso, ela passou pela Fundação Banco de Olhos, em Goiânia, onde recebeu o atendimento necessário.

O diretor-geral da UPA, Paulo Renato Silva, contou que a paciente se mantém em silêncio o tempo todo e se recusa a comer. “Estamos finalizando um laudo para pedir que ela seja transferida para um hospital psiquiátrico”, completou.

Além de arrancar o olho esquerdo com as unhas, ela também tentou arrancar o esquerdo. O órgão retirado foi jogado pelo ralo da cadeia.

Ainda de acordo com a Diretoria-Geral de Administração Penitenciária (DGAP), a suspeita demonstra "alterações emocionais e psicológicas”.

Da Redação do Alô Valparaíso/*Com as informações do G1 Goiás
mulher

Mãe é suspeita de matar filho enforcado. (Foto: Reprodução)

Compartilhe esta matéria!