Compartilhe esta matéria!

Dor e inflamação nos cães podem ser tratadas de forma confortável e eficaz 

A atenção também deve ser redobrada em cães com lesões traumáticas ou que passaram por procedimentos cirúrgicos, pois são situações que podem evidenciar um grande desconforto.

Dores crônicas ou agudas prejudicam o bem-estar e a qualidade de vida dos cães. Apesar de ocorrerem mais frequentemente em animais mais velhos, esses problemas também podem ser observados nos cães nas suas diferentes fases de vida. Uma das principais doenças para qual damos destaque é a osteoartrose, que é uma enfermidade crônica, provocando um grande desconforto aos animais. “Os cães geralmente sofrem em silêncio e por isso, é importante ficarmos atentos a determinados sinais, como dificuldade para andar, subir e descer escadas, falta de vontade de passear, brincar, cansaço e aumento de peso”, alerta o médico veterinário Jaime Dias, gerente técnico da área de animais de companhia da Vetoquinol Saúde Animal. 

A atenção também deve ser redobrada em cães com lesões traumáticas ou que passaram por procedimentos cirúrgicos, pois são situações que podem evidenciar um grande desconforto. “O tratamento é muito importante, reduzindo a dor e a inflamação envolvida, proporcionando uma recuperação mais tranquila, com conforto”, complementa Eliane Estephan, gerente de produtos para animais de companhia da Vetoquinol Saúde Animal. 

Meloxicam é um anti-inflamatório não esteroidal, COX-2 seletivo, extremamente seguro e eficaz, indicado para o tratamento da dor e da inflamação em cães. “Este princípio ativo está presente em Vetaflan, que é o primeiro e único anti-inflamatório à base de meloxicam com aplicação transdermal (diretamente na pele do cão) do mundo, uma real inovação no controle da dor e da inflamação, produzido pela Vetoquinol Saúde Animal – uma das 10 maiores empresas veterinárias do mundo”, complementa Eliane Estephan. 

“A administração diretamente na pele do cão promove uma rápida absorção, além de contribuir para a diminuição de possíveis efeitos colaterais que podem ser observados com a utilização de anti-inflamatório”, relata Jaime Dias. Outro benefício dessa forma de administração, segundo o gerente técnico da Vetoquinol, é trazer mais facilidade para o tutor e conforto para o cão tratado. 

(Imagem: Clube para cachorro/Reprodução)

Vetaflan é indicado para o controle da dor e da inflamação oriundas de diferentes causas como traumas, pancadas, osteoartroses, período perioperatório em cirurgias de tecido mole ou ósseo, entre outros. O medicamento pode ser usado em cães a partir dos três meses de vida em administração única ou repetidas a cada 3 dias, conforme necessidade e orientações do médico-veterinário. Vetaflan vem acompanhado de dosadora, que facilita seu manuseio. 

Dicas naturais para melhorar a vida do bichinho:

1 – Exercício Físico O exercício físico deve ser orientado e indicado pelo veterinário, mas este é considerado o melhor tratamento. É importante lembrar que os exercícios devem ser leves por conta das limitações do cãozinho. Além de colaborar com o bem-estar, ainda vai manter o peso do fofuxo, pois muitos tendem a engordar depois de diagnosticada a doença. Natação e caminhadas leves são uma boa pedida para ajudar o fofuxo. 

2 – Deixe o ambiente quentinho Os climas úmidos e frios podem contribuir para que o cãozinho sinta mais dor. Deixe o cantinho de dormir bem quente, agradável e aconchegante. Recomendamos uma cama confortável e cobertores para o pet. O frio tende a endurecer as articulações, assim, torna os movimentos mais dolorosos. 

3 – Dieta Esse é um cuidado que requer muita atenção, pois como mencionamos, a artrite interfere na articulação. É doloroso manter os movimentos, imagine se neste meio tempo o cãozinho acaba ganhando peso e se torna obeso?

 4 – Compressas quentes O clima quente colabora com a redução da dor nos bichinhos, mas podemos fazer ainda mais, basta fazermos compressas ou almofadinhas quentes nas articulações! Uma dica muito importante é fazer no período da manhã, que é quando as patinhas estão mais debilitadas. Cuidado para não deixar em uma temperatura que o queime, hein? 

5 – Massagem Consulte seu veterinário e peça que ele te ensine como fazer massagem nas áreas afetadas pela artrite. Com certeza vai ajudar a aliviar bastante a dor do seu lindão!

Alô Valparaíso/*Com informações