O deputado federal por Goiás Célio Silveira (PSDB) avalia que a melhor saída para a crise enfrentada pelo país seria a renúncia da presidente da República. “Seria menos traumático para a população brasileira, que hoje vive dificuldades econômicas muito acentuadas com essa grave crise política que acometeu todo o país”, afirmou.  “A presidente não tem a grandeza de renunciar”, completou o deputado, que visitou a sede do jornal A Redação nesta semana. 

Sobre o presidente da Câmara, Eduardo Cunha (PMDB), Célio Silveira afirmou que, na opinião dele, o peemedebista será afastado da presidência da Casa e que ainda perderá o cargo de deputado federal. “Eduardo Cunha já teve uma grande derrota quando perdeu por um voto do conselho de ética”, ressaltou.

O parlamentar fez, ainda, uma breve análise sobre o governo estadual e afirmou que, apesar da crise, “Goiás vive melhores momentos do que outros Estados”.
Célio Silveira também avaliou como positiva a troca de secretariado realizada pelo governador de Goiás, Marconi Perillo. “Nós já estamos verificando algumas melhoras com o Tolerância Zero. Com os bandidos sendo presos, esperamos que em pouco tempo o secretário de Segurança Pública, José Eliton, dê uma resposta positiva para a sociedade goiana”, finalizou.
Texto: A Redação