Cuidados necessários na hora de comprar peixes

Em caso de produtos adulterados, o consumidor deve denunciar à Vigilância Sanitária ou procurar o órgão estadual por meio do Disque-Denúncia 150

Neste período de Quaresma e da Semana Santa, o consumo e venda de peixes, seja de água doce ou salgada, ficam aquecidos. Comer pescados é saudável e saboroso, mas pode trazer danos à saúde se não forem de boa procedência e acondicionados da forma adequada para o consumo.

Segundo a gerente de Vigilância de Produtos da Secretaria de Estado da Saúde de Goiás (SES), Eliane Cruz, as pessoas devem ter cautela na hora de comprar peixes. “Este é um tipo de alimento muito sensível, por isso devem-se ter alguns cuidados na compra, preparo e no armazenamento”, afirma.

Ela lembra que na hora de comprar peixes frescos, por exemplo, é importante observar determinados fatores. Os olhos do peixe devem ser transparentes e brilhantes, como se ele ainda estivesse vivo. “Quando o peixe fica muito tempo no gelo, ele fica com os olhos achatados e sem brilho e isso é um sinal importante de que aquele pescado não será ideal para o consumo humano”, alerta.

De acordo com Eliane Cruz, caso o consumidor opte por peixes congelados é preciso verificar se o produto é inspecionado pelo Serviço de Inspeção Federal (SIF) e está armazenado na temperatura adequada, conforme informado pelo fabricante na embalagem. “Os produtos não podem estar amolecidos ou com acúmulo de líquidos”, explica.

A gerente da SES também esclarece que comprar o peixe exige atenção maior que a de carnes. O consumidor precisa escolher um estabelecimento limpo, verificar se os atendentes têm cuidados com a higiene e, principalmente, observar se os peixes estão mantidos na temperatura correta. Os pescados frescos e resfriados devem ficar entre -2°C e 2°C. Já se forem congelados e embalados, o consumidor deve observar o que informa o fabricante.

Da Redação do Alô Valparaíso/*Com as informações da Comunicação Setorial da Secretaria de Estado da Saúde de Goiás
peixe1

Fique atento na hora de comprar peixes. (Foto: Reprodução/TV Mirante)

Compartilhe esta matéria!