A alta cúpula do PSDB de Goiás, já reconhece Pábio Mossoró como o candidato natural do partido a ser futuramente escolhido para concorrer à Prefeitura de Valparaíso, cidade do Entorno de Brasília. Tucanos afirmam que, ele só não será o nome da legenda caso desista da candidatura. O vereador  possui as bênçãos de dois deputados.

Com a recente declaração da grande líder, Lêda Borges de Moura, deputada estadual (licenciada) e secretária do governo Marconi, as chances de Pábio aumentam. Lêda afirmou em entrevista concedida ao Jornal Opção que, sair candidata a Prefeitura seria um grande prejuízo político.

A declaração fez com que o mesmo Jornal, com mais de 40 anos de experiência política em Goiás, colocasse Pábio Mossoró entre os favoritos a vencer as próximas eleições nas prefeituras do Entorno do Distrito Federal.

O vereador segue buscando cativar líderes políticos, em Valparaíso. Ele já é conhecido nas ruas como o nome bancado pelo PSDB de Lêda Borges. Apesar de encontrar certa resistência, Pábio trabalha diariamente, reunindo-se com pré-candidatos e lideranças de bairros. O maior desafio de Mossoró tem sido conquistar os que já foram conquistados por Lêda e que pedem à sua volta ao município. 

Muitos tucanos afirmam que a missão de Pábio Mossoró é árdua, e que caso o pré-candidato seja eleito, a responsabilidade de assumir uma cidade financeiramente “quebrada” será um grande desafio. De acordo com pessoas próximas do Governo de Goiás, Pábio terá que se aproximar ao menos da gestão de sua madrinha Lêda Borges. Contudo, o pré-candidato conhecido pela sua fidelidade e companheirismo, acredita que em outubro poderá ser o nome escolhido para governar Valparaíso de Goiás.

Por Marcelo Carlos