Colégio Estadual ‘Redondo’ sofre com grande quantidade de goteiras

Em período de chuvas, aulas são canceladas na unidade escolar

As salas de aula do Colégio Estadual Valparaíso (CEV), popularmente conhecido como ‘Redondo’, estão com vários problemas de infraestrutura. O problema mais grave pode ser visto quando chove em Valparaíso de Goiás, a água escorre pelas paredes, pelo forro do teto e acaba atrapalhando o andamento das aulas.

Os vazamentos estão em 13 das 20 salas de aulas. Em entrevista para a TV Anhanguera, a professora Gorete Carvalho os alunos são reunidos num canto sem goteiras quando é possível. “Quando não há essa possibilidade, quando a turma está muito cheia ou está molhando em vários pontos, nós juntamos duas turmas em uma mesma sala”, comentou.

No início de 2018, a coordenação do CEV solicitou à Secretaria da Educação, Cultura e Esporte de Goiás (SEDUC-GO) os reparos no telhado. A pasta aceitou e as obras foram feitas. No entanto, o problema só piorou. “A empresa fez, concluiu. Porém, agora, com as primeiras chuvas nós vimos que não resolveu o problema”, disse a professora Dilcéia Sarmento.

Da Redação do Alô Valparaíso
Compartilhe esta matéria!