Cinco pessoas são autuadas por exploração de jogos de azar

Operação foi realizada pelo Gepatri e Genarc de Luziânia

A Polícia Civil do Estado de Goiás, por meio das equipes dos Grupos de Repressão aos Crimes Patrimoniais (Gepatri) e de Repressão a Narcóticos (Genarc) de Luziânia autuaram em flagrante delito, na última quarta-feira (08/02), cinco pessoas. Duas delas pela prática de contravenção de exploração de jogos de azar e três por apostas ilegais. A ação aconteceu na região administrativa de Riacho Fundo, no Distrito Federal, e teve o apoio da PC-DF.

Segundo a PC-GO, em razão de investigações que tratam de associação criminosa que explora jogos de azar e lavagem de dinheiro, chegou ao conhecimento do grupo especializado que os investigados teriam uma casa utilizada para a prática da referida infração penal, e que estariam em atividade. Assim, a Polícia empreendeu diligências e autuou duas mulheres que gerenciavam o local, inclusive com jogadores que lá estavam no momento da abordagem.

Ainda de acordo com a polícia goiana, contra as gerentes e apostadores foi lavrado um Termo Circunstanciado de Ocorrência (TCO), bem como a apreensão das máquinas, do tipo vídeo bingo, e de valores em dinheiro.

Da Redação do Alô Valparaíso/*Com as informações da PC-GO
PC

Polícia Civil de Goiás em ação no Distrito Federal. (Foto: Divulgação)

Compartilhe esta matéria!