(Foto: OVG)

Compartilhe esta matéria!

Cadeiras de rodas da OVG são referência em Goiás

 
Entre os benefícios oferecidos pela instituição, a distribuição de cadeiras de rodas e cadeiras de banho merece destaque

O Governo do Estado, por meio da Organização das Voluntárias de Goiás (OVG), é referência quando o assunto é assistência a pessoas em situação de vulnerabilidade social. Entre os benefícios oferecidos pela instituição, a distribuição de cadeiras de rodas e cadeiras de banho merece destaque. Ao longo do ano de 2020, 7.297 unidades foram distribuídas a pessoas que buscaram ajuda da OVG.

Uma dessas pessoas foi o jardineiro Alex Rodrigues da Paixão, de 69 anos. Quando veio à sede da Organização, ele não imaginava que teria sua vida transformada. Ao chegar ao local, contagiou a todos com seu jeito animado. Carioca e muito comunicativo, já foi logo contando sua história de vida, desde quando saiu de casa, aos 7 anos de idade, até a chegada a Goiás, onde mora de favor, em Aparecida de Goiânia.

Cadeirante, o idoso trabalha como jardineiro e não possui documentos. “Teve uma enchente no barraco onde eu morava, aí eu perdi todos os meus documentos. Eu tentei tirar outros, mas como trabalhei muito tempo com serviço braçal, já não tenho mais as digitais nos dedos, por isso não conseguiram me identificar no sistema para fazer a segunda via”, conta o senhor Alex.

Totalmente dependente da cadeira de rodas, ele diz esse é seu único meio de transporte e de trabalho, mas que há alguns dias ela quebrou. “Minha cadeira antiga deu problema, foi estragando com o tempo. Só que eu preciso dela pra tudo, né?”, observa.

Para conseguir sobreviver, Alex faz uns bicos de jardineiro. “Vou aonde me chamam, de ônibus mesmo. E para ir nesses serviços que surgem, preciso da cadeira. E faço tudo com ela, consigo colocar minhas ferramentas atrás e vou em busca do pão de cada dia. É difícil, mas é meu trabalho. Com essa cadeira nova que a OVG me doou, vai ficar mais fácil. Agradeço demais a todos vocês”, comenta o idoso.

Para a presidente de honra da Organização e coordenadora do Gabinete de Políticas Sociais, primeira-dama Gracinha Caiado, são ações como essa que fazem da OVG uma referência. “É um orgulho muito grande saber que aqui em Goiás nós agimos efetivamente para mudar a realidade de tantas pessoas que vivem em situação de vulnerabilidade social. Uma história como essa mostra que existem muitas pessoas que precisam ser ajudadas, imagina só um idoso cadeirante que sequer tem os documentos pessoais e que precisa trabalhar para sobreviver. Tanto eu quanto o governador Ronaldo Caiado estamos empenhados em fortalecer ainda mais esse trabalho para que alcance mais e mais pessoas em todo o Estado”, diz Gracinha Caiado.

Quem recebeu o senhor Alex na OVG foi a diretora de Ações Sociais, Jeane Abdala. Ao conhecer o idoso, ela fez questão de ajudar. “Costumo dizer que é uma graça divina fazer parte de uma instituição que presta um serviço tão bonito e necessário como esse. Hoje conseguimos ajudar o senhor Alex a ter uma vida mais digna. Com essa cadeira de rodas nova, ele vai ter mais conforto e segurança para se locomover. Nossa missão é essa: tocar a vida das pessoas e mudá-la para melhor”, destaca Jeane.

Outros benefícios

Além da cadeira de rodas, que era o pedido do idoso, a equipe de Plantão Social da OVG foi além. Ele recebeu roupas, máscaras e foi cadastrado na instituição para que seja direcionado à Defensoria Pública do Estado de Goiás para que consiga novos documentos. “Quando uma pessoa em vulnerabilidade social vem até nós em busca de auxílio, procuramos atendê-lo em todas as vertentes possíveis”, afirma a diretora-geral da OVG, Adryanna Melo Caiado.

 Ela conta que quando o senhor Alex chegou à OVG, ele queria apenas uma cadeira de rodas nova. “Mas identificamos que ele precisava de assistência em outras áreas também. Diante disso, nos unimos para ajudar e dar maior qualidade de vida para ele”, enfatiza.

Com as informações da OVG-GO