Compartilhe esta matéria!

Boatos que Mallu vira hit

Mallu é uma jovem cantora que já conta com um grande repertório autoral e está lançando mais um single que promete virar chiclete entre os jovens

A jovem romântica Mallu Coelho de 18 anos, lançou recentemente seu novo single “Boatos”, está disponivel em todas as plataformas digitais, basta procurar no Instagram: @mallucoelhoo e no YouTube: Mallu Coelho. “A música nasceu de uma experiência que a maioria das pessoas já passou, uma situação em que existe um romance entre dois amigos, mas quem percebe primeiro são as pessoas que estão vendo de fora”. Afirma Mallu. A música possui um vídeo clipe, e tem como objetivo de conquistar o coração dos ouvintes, com uma letra chiclete cheia de palavras chaves.

Mallu conta sobre a proposta do single “A letra da música traz uma proposta de que está rolando esse suposto boato de um romance, e que essa fofoca estaria na “boca da vizinha”, afinal, quem é que já não teve uma vizinha fofoqueira? E em volta disso que a história do clipe é construída, não no sentido literal da letra da música, mas com uma interpretação de que uma artista estaria namorando e assim um paparazzi estaria em busca de confirmar a história para levar a matéria a uma revista. Fizemos uma brincadeira com o nome da revista “fififi” que é inspirado em uma revista real de fofocas, e significa “fofoqueiro” na linguagem dos jovens”. Conclui a artista.

Cantora Mallu Coelho sonha em ter uma carreira de sucesso – Livefotografia

Boatos verdadeiros

Mallu é completamente apaixonada pela música, faz estudo de teoria musical, aulas de canto, violão e teclado. Canta desde muito nova, aos 11 anos iniciou as aulas de canto para aperfeiçoar suas técnicas, a composição veio aos 15 anos e a carreira profissional começou em 2019 quando tinha 16.  “A música é uma profissão muito difícil, requer muito estudo, dedicação e paciência. Escolhi música por saber o poder que uma canção pode ter na vida das pessoas, a mudança que uma música pode causar, os sentimentos que a música traz! Ao ouvir pessoas me dizendo que minhas letras tinham levado mais alegria a elas eu me senti realizada, saber que eu estava fazendo o bem com minha música foi um grande divisor de águas para eu querer música para minha vida, além de ser um sonho que faz parte de mim desde pequena!”. Exclama a artista.

A música sempre esteve em sua vida não há um momento que não lembre das canções estarem envolvidas na sua vida “desde cedo minha mãe me ensinou a gostar muito de MPB e outros estilos.” Conclui. 

A cantora afirma que o que a motiva a ser e continuar sendo quem é são os momentos e o sentimento que ela tem toda vez que canta e percebe que outras pessoas a ouvem. “O dia em que tudo mudou para mim foi quando eu cantava no intervalo da aula no colégio, e um dia me pediram pra cantar uma música autoral minha, “Naufrágio”, e eu não fazia ideia de que meus colegas conheciam. Quando comecei a cantar e todos começaram a cantar comigo eu me emocionei muito, e percebi que queria aquilo para minha vida. Depois da apresentação muitos vieram me falar como minha música tinha feito diferença na vida deles! Aquilo foi incrível!”

A cantora sabe que viver da música é um desafio, principalmente em tempos de pandemia. O meio artístico foi um dos mais afetados, mas afirma que graças a Deus está conseguindo estar nas redes sociais, e tem muito apoio da família e amigos.

Conta que seu estilo musical é o PopLeve, pois trabalha com músicas calmas e puxadas para o pop. Sua inspiração com certeza vem dos artistas do MPB brasileiro, e tem a certeza de que nossa cultura musical é muito rica e ama conhecer tudo sobre. Seu principal objetivo é levar alegria e paz para as pessoas que escutam suas músicas, assim como sons a trazem! 

Autorais da Mallu

A artista possui mais 8 músicas autorais todas lançadas nos aplicativos de música, como Spotify, deezer e YouTube que podem ser conferidas no Instagram: @mallucoelhoo e no YouTube: Mallu Coelho. Mallu conta que ainda não conseguiu fazer shows devido a pandemia, mas está na lista de seus projetos para o futuro. E finaliza contando seus objetivos como artista, “Ser uma grande artista, reconhecida pelas minhas canções. Fazer muitos shows em todo o Brasil e ver aquele mar de estrelas no chão, muitas pessoas com a lanterna do celular ligada cantando minhas músicas”. 

Alô Valparaíso/*Com as informações