Um bebê de 1 ano e cinco meses foi socorrido em estado grave em Luziânia, no Entorno do Distrito Federal, após cair em um balde em casa. De acordo com o Corpo de Bombeiros, o menino teve um princípio de afogamento seguido de uma parada cardiorrespiratória. Após receber os primeiros socorros, ele foi levado até a cidade de Alexânia, que fica na mesma região, de onde foi transferido em um helicóptero para o Hospital da Criança, em Goiânia.

O acidente aconteceu na tarde de sexta-feira (17). Tia do bebê, Jéssica de Araújo Martins, de 26 anos, disse ao G1 que o sobrinho segue internado em uma Unidade de Terapia Intensiva (UTI) com quadro grave neste sábado (18). A família só deve receber novas informações do Hospital da Criança nesta tarde.

Jéssica também explicou como o menino caiu no balde: “Nossa família é grande e mora em quatro casas no mesmo terreno. Ele [bebê] estava em uma delas com a mãe, quando uma tia nossa a chamou no portão. Nisso, outra irmã nossa, que estava usando o balde na casa ao lado, também foi até o portão. Em questão de minutos minha outra sobrinha chegou dizendo que o bebê estava dentro do balde e foi um desespero”, relatou.

Segundo a tia, os parentes tentaram reanimar o bebê, que já estava inconsciente. “Ele chegou a vomitar, mas continuou molinho, sem voltar a si. Aí corremos para um hospital que fica perto de casa e, lá, ele foi reanimado por cerca de 50 minutos até que fosse levado para Alexânia. De lá, foi levado de helicóptero para a capital”, conta.

Jéssica diz que todos na família estão muito abalados com o que aconteceu. “A mãe dele, principalmente, está arrasada. Agora estamos tentando ir para Goiânia para acompanhar a situação dele. Mas temos fé que ele vai melhorar”.

Via G1-GO