Nesta quinta-feira, dia 21 de janeiro, damos início a uma série de matérias que, mostrarão o atraso de diversas obras do Governo Municipal, em Valparaíso de Goiás. Apresentaremos aos leitores do Alô, edificações abandonadas pela Gestão Lucimar Nascimento (PT), ao longo de três anos de mandato.

Começamos pela Unidade Básica de Saúde (UBS), do bairro Valparaíso II. Uma obra lançada no dia 11 de fevereiro de 2014, e que deveria ser entregue no prazo máximo de 180 dias. Contudo, segue abandonada pela administração municipal. O valor inicial da construção foi orçado em R$ 472.661,51.

11825871_937091802998593_6349010841595872918_n

Foto: Marcelo Carlos – O valor inicial da construção foi orçado em R$ 472.661,51.

Os moradores acreditam que a unidade de saúde seja entregue à comunidade até o mês de setembro. Todos falam na estratégia de entregar obras perto das eleições, uma manobra antiga e que é usada com o intuito de buscar sempre reeleições.

Porém, se depender da revolta de boa parte da população. Desta vez, a velha tática politiqueira não funcionará.

“A Lucimar pode entregar este posto de saúde amanhã. Eu jamais votarei nela. Estou cansada de esperar. Não adianta querer mostrar serviço apenas neste ano de eleição. Queremos uma prefeita presente durante 4 anos”, disse Elizabeth Damasceno.

A ordem de serviço da obra foi assinada por Lucimar Nascimento, no início de 2014. Na oportunidade, a chefe do Executivo anunciou a construção de 5 novas UBS e um Centro de Referência ao Diabético, em Valparaíso. Participaram do evento festivo de anunciamento, além da prefeita, o secretário de saúde Walter Mattos, vereadores e o deputado federal Rubens Otoni (PT). 

1655872_514502095336545_172080945_n

Foto: O Guardião – Obra foi lançada no início de 2014.

“É bom vocês mostrarem mesmo a realidade do nosso bairro. Vejam que a obra está completamente paralisada. Ela virou ponto de encontro de marginais e ninguém faz nada. Se a UBS estivesse funcionando ajudaria muito a comunidade e desafogaria o CAIS”, disse Antônio Freitas – morador do bairro.