Dezessete novos cardeais foram nomeados no sábado (19) pelo papa Francisco, entre eles o arcebispo de Brasília, Sergio da Rocha. 

Dos 17 novos cardeais, 13 terão direito a voto, caso aconteça um conclave, momento em que se elege um novo papa da Igreja Católica.

O papa Francisco optou por “descentralizar” as escolhas da Europa e nomeou novos cardeais latino-americanos, asiáticos e africanos em um número maior que seus antecessores. 

Postado por Marcelo Carlos (com as informações da Agência Brasil)