O dilúvio que começou a cair na madrugada desta quarta-feira (27) deixou o Colégio Estadual Redondo, localizado no bairro Etapa A, tomado por água da chuva em Valparaíso de Goiás.

Segundo alunos da tradicional escola, a água da chuva invadiu as dependências da instituição e gerou transtornos no local. Porém, eles garantem que a situação não chega a ser uma novidade. O problema já ocorre há muito tempo e nada é feito para amenizá-lo.

“Quero prestar aqui a minha indignação, pois tenho o Alô Valparaíso como uma mídia de confiança. Eu estudo no Colégio Estadual Valparaíso, mais conhecido como Redondo. Hoje cheguei à escola, em meio a forte chuva e os portões não estavam abertos. Foi por volta das 7h05 e devido a isto os alunos ficaram na parada de ônibus”, desabafou um aluno que pediu para não ser identificado.

O estudante ainda conta que o maior problema foi enfrentado dentro na unidade pública de ensino. “Quando o portão foi aberto os alunos tiveram que se molhar. Só que esse não foi a maior dificuldade. O maior problema foi quando encontramos o colégio totalmente alagado e sem condições de aula. Em algumas salas podíamos observar a água vazando pelo forro”, completou o aluno.

De acordo com outro educando, os horários de aulas tiveram que ser reduzidos. No período matutino, os alunos ficaram nas salas de aulas até às 10 horas.

Os jovens ainda afirmam que o piso escorregadio também causava muito perigo aos que transitavam no local. Todos pedem melhorias de infraestrutura urbana por parte do Governo Municipal, e cobram ações do Governo do Estado que resolvam o antigo problema ocasionado pelas chuvas no colégio.

Por Marcelo Carlos