Ortodents: A melhor clínica odontológica de Valparaíso Leia Mais

O melhor escritório de contabilidade de Valparaíso Leia Mais

 

Menor é apreendido suspeito de atirar contra passageiros de micro-ônibus após assaltá-los, em Valparaíso de Goiás

Polícia Civil apreendeu um adolescente de 16 anos suspeito de atirar contra passageiros de um micro-ônibus de Valparaíso de Goiás logo após assaltá-los. O crime aconteceu na última sexta-feira (6). De acordo com o delegado Henrique Wilson, o jovem é reincidente no crime e afirmou que disparou “para provar que tinha uma arma de verdade”.

A bala passou a centímetros do ombro do passageiro do último banco, um estudante, e furou a estrutura do veículo. Ninguém se feriu.

O assalto ocorreu por volta de 13h, contra um micro-ônibus da cooperativa Cootranride, que faz a linha Circular, passando por todos os bairros da cidade. A abordagem aconteceu na primeira parada de ônibus da Cidade Jardins, ao lado da prefeitura. Câmeras de segurança do micro-ônibus flagraram a ação.

Havia 12 passageiros, o motorista e o cobrador. Além do adolescente detido, outras duas pessoas participaram do roubo – uma mulher, que recolheu dinheiro e celulares e os guardou em uma mochila, e um rapaz, que estava de óculos escuros, lenço no rosto e uma faca.

A ação durou cerca de cinco minutos. Nos vídeos, é possível ver que um dos outros ladrões ameaçou o motorista com uma faca. O trio exigiu que a chave do ônibus fosse entregue. O veículo continuou em movimento, por causa do embalo, e o grupo pulou e conseguiu fugir.

De acordo com o delegado, ninguém se apresentou à Polícia Civil como advogado do adolescente, que foi encaminhado à Coordenadoria Integrada de Operações de Segurança (Ciops) para aguardar audiência judicial. “Ele confessou. Disse que não estavam acreditando que era arma de verdade e aí ele atirou para mostrar que era”, afirmou o investigador. “Ele contou que são todos amigos e decidiram fazer o roubo juntos. Ele diz que o dinheiro e os celulares estão com os outros. Nada foi achado na casa dele”, completou o delegado.

As vítimas relataram, em depoimento, que a todo momento os assaltantes os ameaçavam de morte. A Polícia Civil informou já ter identificado os outros envolvidos no crime.

Um funcionário da Cootranride que não quis se identificar informou que foram roubados R$ 160 do caixa do coletivo. Esse foi o quinto assalto sofrido pela empresa neste ano.

O micro-ônibus ainda não foi periciado. O motorista e o cobrador foram dispensados logo após o roubo e voltaram a trabalhar no dia posterior. O veículo também está rodando.

Via G1GO

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Web Design BangladeshBangladesh Online Market